domingo, abril 29, 2007

Arca de Noé - versão Holandesa

Arco Íris - Johan Huiberts meteu mãos à obra e em dois anos construiu uma réplica da mítica arca que salvou Noé e os restantes ocupantes das águas do dilúvio.
Johan acalentou dois desejos antes de construir este barco: o primeiro era ser completamente fiel ao descrito na Bíblia e o segundo era dar um novo fôlego ao cristianismo na Holanda.
A próxima etapa passa por içar a âncora e visitar algumas cidades no litoral da Bélgica e Alemanha

Etiquetas: , ,

3 Comments:

At 02 maio, 2007 09:40, Blogger Daniel said...

Não sei se a construcção de uma arca, dará um novo folego ao cristianismo, mas não deixa de ser uma ideia interessante.
Mas penso que o que precisavamos de construir, era corações como os descritos na bíblia...

Agradeço a todos os que desejarem, a visitarem o meu blog, www.danielaurelio.blogspot.com, e analisarem o artigo sobre a predestinação de Judas

 
At 30 maio, 2007 16:31, Blogger ghernandes said...

PO CURTI FICO MTO BONITO
MAS O SENHOR PODE USAR QUALQUER COISA PARA TOCAR CORAÇOES ELE USA AS COISAS LOUCAS PARA CONFUNDIR AS SABIAS

 
At 11 junho, 2007 11:56, Anonymous Anónimo said...

Sem qualquer referência aos bloggers envolvidos, apenas tomando como exemplo, aqui estão duas opiniões, bem típicas de duas maneiras diferentes de pensar. A do brasileiro, que valoriza, que se entusiasma, que aprova, que encoraja o trabalho dos outros e lhes dá valor, por mais "diferente" que seja. E a do português, que desvaloriza tudo quanto não seja da sua própria lavra, que desencoraja o trabalho dos outros, que critica o trabalho feito desculpando-se com o trabalho por fazer - mas também não faz nada! (E ainda aproveita o blog para fazer publicidade às suas próprias realizações - um outro blog! Como se fosse um contraponto ao trabalho dos outros...) Certamente que as pessoas envolvidas tiveram as melhores intenções nos seus comentários. É mais a filosofia cultural adjacente. E eu, como português, é bem possível que esteja a manifestar também neste comentário essa maneira de pensar... :)

 

Enviar um comentário

<< Home